Assine o manifesto!

Veja nossa política de privacidade. Este site é protegido pelo reCAPTCHA e, por isso, a política de privacidade e os termos de serviço do Google também se aplicam.

Obrigada! Vamos juntas!

Manifesto: USP com Guilherme Boulos e Erundina 50 e Luana Alves 50505 

Estamos passando por uma das maiores crises da história da humanidade. A pandemia do covid-19 escancarou as desigualdades presentes no mundo e no Brasil. Governados por um presidente genocida, Jair Bolsonaro, o Brasil assiste à gestão da crise de forma dramática e autoritária cuja perspectiva é colocar as contas da crise econômica nas costas do povo. Em São Paulo, de forma similar, João Dória aprovou o PL 529 que vai extinguir empresas públicas públicas do estado que prestavam serviços importante à população. Esse projeto, é o mesmo de Bruno Covas (PSDB-SP) que quer seguir os passos do governador, reelegendo-se na capital paulistana para abrir as portas da cidade à iniciativa privada, aos tubarões da educação e à precarização dos serviços públicos.

 A cidade de São Paulo, apesar de ter sido construída sob o esforço e suor do povo pobre, trabalhador, negro e periférico, os excluí diariamente. Não à toa, a saúde, educação, transporte e cultura são serviços públicos que a população pobre de São Paulo não possuí  acesso com qualidade. Por isso, queremos inverter o jogo do poder e colocar as nossas vidas acima do lucro dos empresários, da máfia dos transportes e do desvio de verbas das OSS que gerem a saúde pública. Nós precisamos de uma nova São Paulo na qual as nossas vidas importam! 

A USP sendo uma das universidades mais elitistas do país, foi uma das últimas universidades a adotar cotas étnico-raciais diante de mais de 30 anos de luta do movimento negro e do movimento estudantil do Estado de São Paulo. Desde de 2018, a universidade passa por um processo de mudança de perfil, sendo composta cada vez mais por estudantes negros, pobres e periféricos. Acompanhados desse movimento, assistimos a um dos maiores levantes antirracistas no mundo, iniciado nos EUA pela morte de George Floyd,  e queremos que esse movimento ocupe a prefeitura e a Câmara Municipal de São Paulo! Por isso, somos estudantes da graduação, pós-graduandos, trabalhadores e professores da comunidade universitária que estamos apoiando a candidatura à prefeitura de Guilherme Boulos/Luiza Erundina 50 (PSOL-SP) e a candidatura à Câmara Municipal de São Paulo da Luana Alves 50505 (PSOL-SP). Acreditamos que é necessário uma nova política que esteja em conexão com os nossos atuais desafios!

Por quê estamos com Boulos e Erundina 50 e  Luana Alves 50505?

  • Para derrotar Bolsonaro e a extrema-direita na cidade de São Paulo; 
  • Em defesa da educação pública, gratuita e de qualidade;
  • Pela criação de um Programa de Renda Solidária na cidade de São Paulo; 
  • Em defesa das cotas étnico-raciais nas universidades e no funcionalismo público;
  • Em defesa dos cursinhos populares e pela democratização do ensino superior;
  • Contra o genocídio da juventude negra;
  • Por mais investimento em equipamentos culturais na cidade de São Paulo;
  • Por uma nova política no transporte público de São Paulo. Passe livre já!
  • Combate ao racismo, ao machismo, a LGBTfobia e toda forma de opressão.
  • Em defesa do Sistema Único de Saúde e dos equipamentos públicos de saúde. 

Guilherme Boulos é coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), um dos maiores movimentos sociais da América Latina. É hoje uma das principais lideranças do país articulando diversas mobilizações: de 2013 na luta pelo direito à cidade, por serviços públicos padrão FIFA em 2014, contra a retirada de direitos em 2015 até o enfrentamento contra Bolsonaro nos dias de hoje. Foi candidato à presidência da República pelo PSOL em 2018 e compõe a chapa à prefeitura junto com Erundina, que foi considerada a melhor gestão da prefeitura da capital paulista. 

Luana Alves é uma mulher negra, feminista, antirracista, trabalhadora do SUS e educadora popular. Se formou em psicologia na USP e foi uma das principais lideranças na conquista pelas cotas raciais na USP em 2017, sendo a Representante Discente do Conselho Universitário da USP que aprovou as cotas. Como trabalhadora do SUS, esteve muito atuante na luta em defesa da vida, como tantas outras mulheres negras, que se somaram contra a pandemia do coronavírus e trabalham por uma saúde pública, gratuita e de qualidade! Luana conta também com o apoio da deputada estadual Mônica Seixas (PSOL-SP) e da  deputada federal Sâmia Bomfim, que também se elegeu vereadora na Câmara Municipal de São Paulo e quer ajudar a eleger Luana Alves, uma mulher negra,  que dê continuidade ao enfrentamento ao Bolso-Dória. Juntas, como feministas do PSOL, querem ajudar a eleger Guilherme Boulos e Erundina. Luana agora pode vir a ser primeira mulher negra eleita na Câmara Municipal de São Paulo pelo PSOL. 

Assine você também o nosso manifesto e faça parte deste movimento com Sâmia Bomfim e Mônica Seixas para ajudar a eleger Guilherme Boulos e Luana Alves! Faça parte do Comitê Boulos e Erundina 50 com Luana Alves 50505  na USP!

Comitê Boulos e Erundina 50 com Luana Alves 50505  na USP

  1. Siga e compartilhe o Boulos(@guilhermeboulos) e Luana (@luanapsol) em todas as redes sociais e compartilhe seus conteúdos;
  2. Pegue os materiais da campanha e panflete no seu bairro!*
  3. Monte um grupo de WhatsApp com seus amigos e familiares para apresentar a Luana e o Boulos
  4. Organize reuniões virtuais de apresentação do Boulos e da Luana
  5. Doe e compartilhe nossa campanha de financiamento coletivo: https://votolegal.com.br/luanaalves

Assinaturas iniciais

Victor Luccas Ramalho Moura, Léo Vitor Utida, Heloisa Avelina Alves de Toledo, Felipe Augusto de Souza Primo, Diego Artur Santos Freire, Bruno Carvalho, Gabriela Cristina Cavalcante, Beatriz da Cruz Souza, Guilherme Fernandes Fregonese, Diogo da Silva Dias, Michele Traves Parrela de Queiroz, Edson Antonio de Araújo Júnior, Greyce Silva Francisco, Vívian Locatelli Charutti, Gustavo Armando Selpis Castilho, André Anuatti Reis, Vinicius Teotônio Lucena, João Vitor Ricchini Freire de Carvalho, Flávia de Ataide Alves Mercês, Erick Araújo da Silva, Gislaine de Fátima Silva, Letícia Siqueira das Chagas, Vitor Madalosso Vel Fuks, Lucas Andrade Alves de Lima, Artur Coelho Feitosa, André Cozer dos Santos, Mariana Andreatta, Tiago Tavano, Ellen Oliveira, Caio Koichi, Lucas Modolo de Santana, Murilo Amadio Cippollone, Davi Barbosa Bonfim, João Rojek Halla, Julia Andrade Maia, Gabriela Schmidt, Marina Bozzetto, Rodney Amador, Giovanna Carlos, Marcelo Daros, Vinicius Benalia Penteado, André Felipe Martins Silva, Pedro Goes Nogueira de Sá, Catarina Rabelo Garcia Muniz, Felipe Simoni, Gabriela Martins, Allan Terada, Danylo Amilcar, João Pedro Araújo, Luiza Yasumura Salles, Jhenifer Suelen Salustiano Gisto, Davi Goulart Soares, Amanda Mei Maeda, Paula Yuki Nomiyama, Vitória Bredoff, Isabelle Sadashima, Pietra Luz, Nelson Orsalino Neto Schuback, Fabrício de Lacerda, Bárbara Dionizio, Ingrid Reis Magalhães Sotini, Danielle dos Santos Vieira, Emelly Godinho Martins, Karen Cecílio Takahara Marcelino, Beatriz Medeiros Ostan, Giovanna Pezzutti, Daniela Constanzo, Rafael Marino, Gabriel Ken César, Alexandre Dalla Pria, Maysa Berti, Isabella Tarsitano, Rodrigo Rocha de Almeida, Beatriz Carvalho da Silva, Pedro Mendonça Castelo Branco, Aline Titon, Evellyn Nogueira, Leticia Santos da Cruz, Daniela Xavier Haj Mussi, Luísa Freitas, Danieli Aparecida Guedes, Pedro Moreno, Geovanna Delarissia, Jackson Teixeira de Freitas, Lara Tamyres Pereira de Sousa dos Santos, Fernando Fagner Ramos, Gabriel Regensteiner, Leonardo Roberto de Moraes Pereira, Thiago Trindade de Aguiar, Claudia Momo, Rafael Borguin, Ricardo Martins, Amanda Capel, Maria Alice de Oliveira, Heloana Aparecida Jacinto Marinho, Pedro Bueno de Melo Serrano, Luciana Spina, Karen Namie Sakata So, Beatriz de Assis Araújo, Caio Ricardo Faiad, Martim Braga Pessoa, Jessica Lima Roio, Gabriela Nicolau Gorgueira, Daniela Batista do Nascimento de Moraes, Roberto de Souza Giuliano, Paulo Rogério Pereira Junior, Isabella André de Barros Teixeira, Karla Cristina de Oliveira Almeida, Nathália Marques Franco, Gabrielle Solano Donadon, Talita Beck Strabelli dos Santos, Bruno Roncoroni Laurito, Ari Marcelo Solon, Guilherme Pimentel Pereira Bolzan, Gabriel de Luca Oliveira Barreto, Fernanda Dini José, Matheus Augusto Franco de Moraes Alvarenga, Anderson Ricardo Carlos, Andressa Santana da Silva, Fernando Januário Pimenta, Lidiane Pereira da Silva Lima, Francisco da Cunha, Lucas Teles de Oliveira, Andrew J. P. de Oliveira, Sophia Fernandes Paiva, Ana Kanashiro, Débora Carvalho Ramos, Bruno Gandolfi de Oliveira, Helder Rossi Santos Souza, Ruy Gomes Braga Neto, Eduardo Seiji Suguimoto Miyazato Ferrer, Gabrielle da Silva Barbosa, Mariana Rubio Silva, Rafaela Campos, Tiago Madeira

Assine o manifesto!

Veja nossa política de privacidade. Este site é protegido pelo reCAPTCHA e, por isso, a política de privacidade e os termos de serviço do Google também se aplicam.

Obrigada! Vamos juntas!